domingo, 14 de novembro de 2010

* PLANEJAMENTO DE MATEMÁTICA*


"CALENDÁRIO"
O QUE OS ALUNOS PODEM APRENDER COM ESSA ATIVIDADE?
Aprender sobre o funcionamento dos números num contexto específico: o calendário;
- Familiarizar-se com uma forma particular de organizar a informação, identificando a passagem do tempo apoiado no calendário;
- Utilizar o calendário como forma de organizar acontecimentos e compromissos comuns ao grupo, interpretando a série numérica, compreendendo certas regularidades das medidas de tempo, como dia, mês e ano. Escrita dos Números e a sequência.
ENCAMINHAMENTO.
Leve um calendário tipo folhinha para a roda do grupo. Pergunte quem tem um calendário parecido com esse em casa e como é utilizado. Explique que poderão consultá-lo em diferentes momentos: para colocar a data em alguma tarefa, para saber a dia do aniversário dos colegas, do passeio que a turma realizará ou ainda quando precisarem escrever algum número que não conheça.
Diariamente, uma das crianças (o ajudante do dia) será a responsável em localizar a data no calendário e escrevê-la na lousa para que seus colegas possam anotá-la em seus trabalhos. Inicialmente, é provável que você precise ajudar as crianças nessa tarefa, porém, é importante que progressivamente passem a realizar essa tarefa sozinhas, ganhando autonomia.
Encontrar e copiar a data, saber o dia, são atividades interessantes que acontecem ao longo do ano, no entanto, sabemos que aquilo que se faz rotineiramente perde o sentido e deixa de ser um problema para as crianças resolverem. Se você propõe, por exemplo, que a criança “marque no calendário o dia de hoje com um X”, no dia seguinte, para encontrar o número desejado, bastará olhar para o número que está logo depois do X. Desta forma, uma atividade que poderia ser rica e desafiadora transforma-se numa atividade mecânica que não beneficia a aprendizagem. Quando as crianças necessitam encontrar um número no calendário que não tem essas marca precisam colocar em ação diferentes procedimentos .
PLANEJAMENTO:
As atividades propostas aqui podem se desenvolvidas ao longo do ano, de forma sistemática: diariamente, uma vez por semana, etc.
MATERIAIS NECESSÁRIOS:
calendário tipo folhinha com uma página para cada mês  ou Calendário Mimeografado.
Lápis de Cor, Hidrocor Preto e Vermelho, Lápis comum

ESCRITA E LEITURA DE NÚMEROS
ATIVIDADE
CALENDÁRIO DO ANIVERSARIANTE

OBJETIVOS:
- Observar e entender a sequência numérica no calendário.
- Selecionar números com base na leitura e escrita do calendário de acordo a necessidade.
PLANEJAMENTO
A atividade será desenvolvida individualmente. Com base em uma ficha para preenchimento da data de nascimento, apresentação de um calendário grande e um cartaz Calendário do aniversariante. Será utilizado para a confecção das fichas individuais, calendário, calendário do aniversariante papel dupla face (diversas cores), hidrocor, piloto, papel ofício, cola. A atividade será desenvolvida no período de duas horas.
ENCAMINHAMENTO
As crianças irão levar para casa uma ficha para preenchimento da data de nascimento, com ajuda dos pais. No decorrer do dia seguinte a professora apresentará um calendário tamanho grande, onde cada criança irá pesquisar o dia e mês do seu aniversário, com mediação da professora, e assim transcrever para o cartaz Calendário do Aniversariante.

Bingo de Números
         Material necessário 
 Cartelas de com números, saquinhos com números (1 a 99) e lápis de cor.

Objetivos
• Desenvolver o raciocínio lógico;
• Reconhecer símbolos;
• Estimular a contagem;
• Comparação de quantidades;
• Reconhecimento de quantidade.
Desenvolvimento da atividade
As cartelas serão distribuídas para os alunos e lápis de cor ou marcadores (tampinhas, fichas de cartão) para identificar os números ditados. 
O nome do número sorteado deve ser "cantado", dando um tempo para os alunos procurarem e marcarem os números ditados. 
Ganha e grita "BINGO" quem preencher primeiro uma sequência de 5 números na horizontal, vertical ou diagonal.
  
Orientações ao professor
 A proposta do uso do jogo do Bingo tem como finalidade fazer os alunos avançarem, na leitura e na escrita dos números a partir das propriedades do sistema de numeração decimal.   
O sorteio e a leitura do número durante o jogo pode ser feito por um aluno. Se os alunos desconhecem o número que devem dizer ou marcar em sua respectiva cartela, pode-se dar uma pista do tipo: relembrar ou recitar a série numérica a partir de um número que a criança conhece, o nome da dezena exata do número sorteado, dar o número anterior ou o seguinte ou ambos.
Outra forma de utilização é dar uma sequência de ordens que a criança terá que cumprir, como: em todos os números sorteado você me dirá o menor e o maior número da dezena sorteada; a soma dos algarismos com um dígito, enfim, dependendo o nível de complexidade você pode pedir o primeiro e o último número que aparece ou que ele sempre aponte para o número “6″, enfim… vamos adaptando ao material ao objetivo da terapia e às necessidades da turma.


Módulo 12: Atividade 12.3

Sala dos Professores: Com a atividade abaixo relatada pude proporcionar aos meus alunos muitas reflexões e trocas, uma vez que já fiz no individual e em grupo.
Tanto no individual como em grupo podemos perceber o quanto a criança sabe, suas hipóteses, mesmo que fiquem longe do se espera, pois é nesse momento que você percebe o quanto seu aluno consegue articular seus conhecimentos prévios e caminhar, conquistando novos conhecimentos.
Atividade:
– Leitura e escrita de números
Atividade: Número surpresa
- O que os alunos podem aprender nesta atividade:
- Números vizinhos.
- Maior e menor.
- Leitura e escrita de numerais.
Objetivo geral: Sondagem sobre o que cada aluno sabe sobre os itens relacionados acima.
 - Planejamento
Quando realizar: a cada sequência  determinada pela professora ou pelos alunos, geralmente o que se está trabalhando ou após uma sequência maior (ex. 0 até 9, 0 até 19, 0 até 20, etc).
Como organizar o grupo: pode-se fazer individualmente ou em grupos de 4 alunos, (depende do objetivo: sondagem individual ou em grupo).

Duração:individual - 5 min., grupos - 10 min.

- Encaminhamento: para uma sondagem individual.
- Preparar um cartaz com a sequência numérica desejada.
- O professor pensa em um numero dessa sequência ( ex. nº 18).
- O aluno deverá adivinhá-lo, ex.: nº 12, o profº diz que é maior; nº 20, o profº diz que é menor; nº 19, o profº diz que é menor e que o número falado é um dos seus vizinhos, e assim segue sempre dependendo das hipóteses levantadas pelo aluno.
Importante: usar setas no quadro numérico para ajudar o aluno encontrar o nº surpresa (ex. quando o aluno falou 12 coloca-se a seta em cima indicando andar para frente, quando falou 19 coloca-se a seta em cima indicando voltar para trás.
- Descoberto o nº finalizamos com a escrita e também podemos intensificar questionando seu valor como por ex. quantas dezenas tem esse nº .



Todos os usuários deste site

Módulo 12: Atividade 12.2

– Leitura e escrita de números
Atividade: Número surpresa
- O que os alunos podem aprender nesta atividade:
- Números vizinhos.
- Maior e menor.
- Leitura e escrita de numerais.
Objetivo geral: Sondagem sobre o que cada aluno sabe sobre os itens relacionados acima.
 - Planejamento
Quando realizar: a cada sequência  determinada pela professora ou pelos alunos, geralmente o que se está trabalhando ou após uma sequência maior (ex. 0 até 9, 0 até 19, 0 até 20, etc).
Como organizar o grupo: pode-se fazer individualmente ou em grupos de 4 alunos, (depende do objetivo: sondagem individual ou em grupo).

Duração:individual - 5 min., grupos - 10 min.

- Encaminhamento: para uma sondagem individual.
- Preparar um cartaz com a sequência numérica desejada.
- O professor pensa em um numero dessa sequência ( ex. nº 18).
- O aluno deverá adivinhá-lo, ex.: nº 12, o profº diz que é maior; nº 20, o profº diz que é menor; nº 19, o profº diz que é menor e que o número falado é um dos seus vizinhos, e assim segue sempre dependendo das hipóteses levantadas pelo aluno.
Importante: usar setas no quadro numérico para ajudar o aluno encontrar o nº surpresa (ex. quando o aluno falou 12 coloca-se a seta em cima indicando andar para frente, quando falou 19 coloca-se a seta em cima indicando voltar para trás.
- Descoberto o nº finalizamos com a escrita e também podemos intensificar questionando seu valor como por ex. quantas dezenas tem esse nº .


Módulo 12: Atividade 12.1


– Sequência oral
Atividade: Batata quente

– Procedimento de contagem
Atividade:  Jogo dos dados

– Leitura e escrita de números
Atividade: Número surpresa


........................

SEQUÊNCIA ORAL

·                    Recitar parlendas:

“1,2, feijão com arroz
3,4, feijão no prato
5, 6, feijão inglês
7, 8, comer biscoito
9, 10, comer pastéis”

“A galinha do vizinho
bota ovo amarelinho
bota 1, bota 2,
bota 3, bota 4,
bota 5, bota 6,
bota 7, bota 8,
bota 9, bota 10!”


·         "Número secreto":

Colocar a sequência numérica na lousa. Um aluno é chamado e escolhe "secretamente" um número. Os colegas terão que descobrir o número secreto e, para que isso aconteça, a cada tentativa serão dadas “dicas” dizendo se é maior ou menor. A professora poderá ajudar se for necessário.

·         “Batata quente de números”:
As crianças sorteiam um cartão com um número e devem passar a bola contando oralmente. A criança que estiver com a bola ao chegar o número sorteado será queimada.



PROCEDIMENTO DE CONTAGEM

·         Bingo de quantidade:
Os alunos receberão cartelas divididas em 6 partes e, em cada uma, determinada quantidade de objetos. A professora fará o sorteio de um número e os alunos deverão procurar a quantidade indicada para marcar. 

·         Boliche:
As crianças deverão jogar a bola em garrafas pet dispostas como no jogo de boliche. Cada garrafa terá um número de 1 a 10. Cada criança terá três tentativas para jogar a bola. Para fazer a soma dos pontos a professora poderá dispor de palitos de sorvete. A criança que estiver à maior pontuação ganhará o jogo.
 
·         Coleção de pedras:
Cada criança deverá trazer para a escola algumas pedras. Coletivamente, contar quantas pedras cada criança trouxe, registrar a quantidade, promover problematizações, tais como, "Maria trouxe 15 pedrinhas e João 16. Quem trouxe mais?", “Se juntarmos as pedrinhas de Marcia e de Pedro, quantas teremos?”


LEITURA E ESCRITA DE NÚMEROS

·         Bingo de números
Cada criança escolhe 8 números diferentes e anota na cartela. Com o auxílio de tampinhas, marcará os números sorteados pela professora.
    
·         Jogo do tapão:
Espalhar as fichas com os números no centro da mesa,virados para cima. Uma criança vira de costas para o grupo e diz um número. Aquele que der um "tapão" no número ditado fica com a ficha. Vence o jogo quem, ao final, tiver mais fichas.

·         Número escondido:
As crianças ordenam os números no centro da mesa virados para baixo. Os participantes, um por vez, devem escolher uma ficha e falar qual o número. Quando acertar deve ficar com a ficha. Ganha o jogo quem conseguir mais fichas.

c
........................................                 

O que os alunos podem aprender nesta atividade: sequência numérica oral
- Planejamento
Quando realizar:
A partir do 1º Ano, 2 vezes por semana
Como organizar o grupo:
Na roda de conversa, com a participação de todos os alunos da turma.
Duração:
1 trimestre, com mudança de álbum/tema a cada trimestre.
Encaminhamento:
  • Providenciar um álbum para ser de uso coletivo e uma tabela de controle de figurinhas (que aparece no final do álbum) para fixar na sala;
  • Roda de conversa para combinar um dia da semana que será utilizado para a exploração do álbum;
  • Os alunos deverão trazer de casa figurinhas para sejam divididas entre o grupo para a colagem;
  • As figurinhas repetidas serão trocadas entre as demais salas do 2º ano que também estarão colecionando o mesmo álbum justamente por esta questão;
  • No momento da colagem em uma roda de conversa, questionar sobre quantas e quais figurinhas foram coladas no dia, levantando estimativas de quantas faltam para serem coladas;
  • Questionar se há algum número de figurinhas que as crianças não conheçam, qual o número da última figurinha, vem antes ou depois do quê?...
Explorar situações-problema a partir do álbum;
Usar o quadro de controle de figurinhas para trabalhar regularidades do sistema de numeração e situações-problema...


2 comentários:

BAILANDO PARA CRISTO feito por Monoludica

Pesquisar este blog

Momento MONOLUDICA

Frases sobre Educação


"A educação é aquilo que sobrevive depois que tudo o que aprendemos foi esquecido." (Burruhs Frederic Skinner)


"Educar a inteligência é dilatar o horizonte dos seus desejos e das suas necessidades." (James Russell Lowell)


"A boa educação é moeda de ouro, em toda parte tem valor." (Padre Antônio Vieira)


"A única coisa que interfere com meu aprendizado é a minha educação." (Albert Eisntein)



"Educar é crescer. E crescer é viver. Educação é, assim, vida no sentido mais autêntico da palavra". (Anísio Teixeira)


"O grande segredo da educação pública de hoje é sua incapacidade de distinguir conhecimento e sabedoria. Forma a mente e despreza o caráter e o coração. As conseqüências são estas que se vê." (Theodore Palmquistes)


"A verdadeira educação consiste em pôr a descoberto ou fazer atualizar o melhor de uma pessoa. Que livro melhor que o livro da humanidade?" (Mahatma Gandhi)


"Educai as crianças, para que não seja necessário punir os adultos." (Pitágoras)


"A principal meta da educação é criar homens que sejam capazes de fazer coisas novas, não simplesmente repetir o que outras gerações já fizeram. Homens que sejam criadores, inventores, descobridores. A segunda meta da educação é formar mentes que estejam em condições de criticar, verificar e não aceitar tudo que a elas se propõe." (Jean Piaget)


"Educação é aquilo que revela ao sábio, e disfarça do tolo, sua falta de entendimento." (Ambrose Bierce)



"O verdadeiro órfão é aquele que não recebeu educação." (Etienne Bonnot de Condillac)


"O grande segredo da educação consiste em orientar a vaidade para os objetivos certos." (Adam Smith)


"A educação inicia o cavalheiro; a conversação completa-o." (Thomas Fulle)


"A educação é o maior e mais difícil problema imposto ao homem." (Immanuel Kant)


"Não se pode falar de educação sem amor". (Paulo Freire)


"Todas as crianças deveriam ter direito à escola, mas para aprender devem estar bem nutridas. Sem a preparação do ser humano, não há desenvolvimento. A violência é fruto da falta de educação." (Leonel Brizola)


"Educar mal um homem é dissipar capitais e preparar dores e perdas à sociedade." (Voltaire)



"Nascemos príncipes. A educação faz de nós sapos." (Eric Berne)


"Educação nunca foi despesa. Sempre foi investimento com retorno garantido." (Arthur Lewis)


"Se você acha que a educação é cara, tenha a coragem de experimentar a ignorância." (Derek Bok)


"A educação, no sentido em que a entendo, pode ser definida como a formação, por meio da instrução, de certos hábitos mentais e de certa perspectiva em relação à vida e ao mundo. Resta indagar de nós mesmos,



que hábitos mentais e que gênero de perspectiva pode-se esperar como resultado da instrução?



Um vez respondida essa questão, podemos tentar decidir com o que a ciência pode contribuir para a formação dos hábitos e da perspectiva que desejamos." (Bertrand Russell)


"A felicidade dos povos e a tranquilidade dos Estados dependem da boa educação da juventude." (Emilio Castelar)



"O homem não é nada além daquilo que a educação faz dele." (Immanuel Kant)



"A educação é para a alma o que é a escultura para o bloco de mármore."(Joseph Addison)



"Se a educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela, tampouco, a sociedade muda." (Paulo Freire)



"Os filhos tornam-se para os pais, segundo a educação que recebem, uma recompensa ou um castigo." (J. Petit Senn)


"Educar es depositar en cada hombre toda la obra humana que le ha antecedido." (José Martí)


"O importante da educação não é apenas formar um mercado de trabalho, mas formar uma nação, com gente capaz de pensar." (José Arthur Giannotti)



"A educação é o processo pelo qual o indivíduo desenvolve a condição humana, com todos os seus poderes funcionando com harmonia e completa, em relação


à natureza e à sociedade. Além do mais, era o mesmo processo pelo qual a humanidade, como um todo, se elevando do plano animal e continuaria a se desenvolver até sua condição atual. Implica tanto a evolução individual quanto a universal." (Friedrich Froebel)


"O importante da educação não é o conhecimento dos fatos, mas dos valores." (Dean William R. Inge)



"Não é possível refazer este país, democratizá-lo, humanizá-lo, torná-lo sério, com adolescentes brincando de matar gente, ofendendo a vida, destruindo o sonho, inviabilizando o amor. Se a educação sozinha não transformar a sociedade, sem ela tampouco a sociedade muda." (Paulo Freire)



"A educação é a arma mais poderosa que você pode usar para mudar o mundo." (Nelson Mandela)


Ensinar é...

" um exercício de imortalidade.
De alguma forma continuamos a viver
naqueles cujos olhos aprenderam a ver o mundo
pela magia das nossas palavras.
O professor assim, não morre jamais."
Rubem Alves

"Se você acha que a educação é cara, tenha a coragem de experimentar a ignorância." ( Derek Bok )

"Se a educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela, tampouco, a sociedade muda." ( Paulo Freire )

"Os filhos tornam-se para os pais, segundo a educação que recebem, uma recompensa ou um castigo. " ( J. Petit Senn )

"O verdadeiro órfão é aquele que não recebeu educação." ( Etienne Bonnot de Condillac )

"O importante da educação não é o conhecimento dos fatos, mas dos valores. " ( Dean William R. Inge )

"O importante da educação não é apenas formar um mercado de trabalho, mas formar uma nação, com gente capaz de pensar. " ( José Arthur Giannotti )

"O homem não é nada além daquilo que a educação faz dele." ( Immanuel Kant )

"O grande segredo da educação pública de hoje é sua incapacidade de distinguir conhecimento e sabedoria. Forma a mente e despreza o caráter e o coração. As conseqüências são estas que se vê. " ( Theodore Palmquistes )

"O grande segredo da educação consiste em orientar a vaidade para os objetivos certos." ( Adam Smith )

"Nascemos príncipes. A educação faz de nós sapos." ( Eric Berne )

"Não se pode falar de educação sem amor. " ( Paulo Freire )

"Não é possível refazer este país, democratizá-lo, humanizá-lo, torná-lo sério, com adolescentes brincando de matar gente, ofendendo a vida, destruindo o sonho, inviabilizando o amor. Se a educação sozinha não transformar a sociedade, sem ela tampouco a sociedade muda. " ( Paulo Freire )

"Educar mal um homem é dissipar capitais e preparar dores e perdas à sociedade. " ( Voltaire )


"Educar es depositar en cada hombre toda la obra humana que le ha antecedido." ( José Martí )

"Educar é crescer. E crescer é viver. Educação é, assim, vida no sentido mais autêntico da palavra. " ( Anísio Teixeira )


"Educar a inteligência é dilatar o horizonte dos seus desejos e das suas necessidades." ( James Russell Lowell )

"Educai as crianças, para que não seja necessário punir os adultos." ( Pitágoras )

"Educação nunca foi despesa. Sempre foi investimento com retorno garantido. " ( Arthur Lewis )

"Educação é o que resta depois de ter esquecido tudo que se aprendeu na escola." ( Albert Einstein )

"Educação é aquilo que revela ao sábio, e disfarça do tolo, sua falta de entendimento. " ( Ambrose Bierce )

"A verdadeira educação consiste em pôr a descoberto ou fazer atualizar o melhor de uma pessoa. Que livro melhor que o livro da humanidade?" ( Mahatma Gandhi )


"A única coisa que interfere com meu aprendizado é a minha educação." ( Albert Einstein



"A principal meta da educação é criar homens que sejam capazes de fazer coisas novas, não simplesmente repetir o que outras gerações já fizeram. Homens que sejam criadores, inventores, descobridores. A segunda meta da educação é formar mentes que estejam em condições de criticar, verificar e não aceitar tudo que a elas se propõe." ( Jean Piaget )

"A felicidade dos povos e a tranquilidade dos Estados dependem da boa educação da juventude." ( Emilio Castelar y Ripoll )

"A educação, no sentido em que a entendo, pode ser definida como a formação, por meio da instrução, de certos hábitos mentais e de certa perspectiva em relação à vida e ao mundo. Resta indagar de nós mesmos, que hábitos mentais e que gênero de perspectiva pode-se esperar como resultado da instrução? Um vez respondida essa questão, podemos tentar decidir com o que a ciência pode contribuir para a formação dos hábitos e da perspectiva que desejamos." ( Bertrand Russell )


"A educação inicia o cavalheiro; a conversação completa-o. " ( Thomas Fuller )

"A educação é o processo pelo qual o indivíduo desenvolve a condição humana, com todos os seus poderes funcionando com harmonia e completa, em relação à natureza e à sociedade. Além do mais, era o mesmo processo pelo qual a humanidade, como um todo, se elevando do plano animal e continuaria a se desenvolver até sua condição atual. Implica tanto a evolução individual quanto a universal." ( Friedrich Froebel )

"A educação é o maior e mais difícil problema imposto ao homem." ( Immanuel Kant )

"A educação é aquilo que sobrevive depois que tudo o que aprendemos foi esquecido." ( Burruhs Frederic Skinner )


"A educação é a arma mais poderosa que você pode usar para mudar o mundo. " ( Nelson Mandela )


"A boa educação é moeda de ouro, em toda parte tem valor." ( Padre Antônio Vieira )


fonte:http://www.luanovaeducacao.blogspot.com/

Recursos Pedagogicos Adaptados


"Há escolas que são gaiolas
e há escolas que são asas. .. "
Rubem Alves

Oficina Monoludica

UM SORRISO

UM SORRISO

Oficinas Monoludica

PENSAMENTOS

"O valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso, existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis."



" O nascimento do pensamento é igual ao nascimento de uma criança: tudo começa com um ato de amor. Uma semente há de ser depositada no ventre vazio. E a semente do pensamento é o sonho. Por isso os educadores, antes de serem especialistas em ferramentas do saber, deveriam ser especialistas em amor: intérpretes de sonhos."( Rubem Alves )

"As crianças têm uma sensibilidade enorme para perceber que a professora faz exatamente o contrário do que diz".( Paulo Freire )


De que adiantará um discurso sobre a alegria se o professor for um triste?"
( Artur da Távolla )



"Brincar com as crianças não é perder tempo, é ganhá-lo, se é triste ver meninos sem escola, mais triste ainda é vê-los sentados enfileirados, em salas sem ar, com exercícios estéreis, sem valor para a formação do homem.”
Carlos Drummond de Andrade



Nós mesmos sentimos que o que fazemos é uma gota no oceano.
Mas o oceano seria menor se essa gota não existisse."
(Madre Teresa de Calcutá )

BRINCAR É COISA SÉRIA

BRINCAR É COISA SÉRIA